A obra de minimização do risco da arriba a norte da praia do Magoito, em Sintra, que contou com a intervenção da Prospectiva no âmbito da sua atividade de fiscalização, foi inaugurada no passado dia 7 de maio.  A construção de um passadiço de madeira suportado por um muro de betão para fazer a ligação entre o novo passadiço e o acesso existente a Nascente, foi uma das muitas intervenções realizadas, numa empreitada que teve o valor de 539.336,79 euros e a duração de 265 dias.

A construção de muros de apoio para as rampas de acesso tornou a praia mais acessível a pessoas com mobilidade condicionada. Na requalificação do acesso à praia, decorreram ainda inúmeros trabalhos, dos quais destacamos:

-Saneamento e demolição de blocos e/ou de bancadas rochosas, com consolas mais salientes;

– Preenchimento com betão ciclópico das zonas reentrantes e cavernas existentes na base da arriba;

– Execução de betão projetado, incorporando fibras metálicas nos níveis de margas;

– Execução de pregagens sistemáticas e pontuais dos blocos de calcário de maiores dimensões;

– Colocação de rede metálica tensionada, do tipo sistema Deltax S15 da Geobrugg ou equivalente;

– Execução de sistema de drenagem, incluindo estrutura de queda de talude constituída por condutas de betão, envolvidas em betão ancorada ao maciço de fundação;

– Alargamento do acesso a praia existente, com recurso a um passadiço suspenso (paralelo ao alinhamento da rampa existente), materializado por uma estrutura mista de betão armado (fundada por microestacas) e madeira.