O Ministério da Economia e Finanças da Guiné Bissau adjudicou à Prospectiva uma prestação de serviços para o estudo, supervisão e controlo de trabalhos de reabilitação e extensão das reservas e reservatórios de água e de eletricidade. As obras fiscalizadas terão um efeito direto no abastecimento de água e eletricidade na cidade da Guiné, designadamente nos bairros do Aeroporto, Bôr, Safim, Prabis, Cupul, Enterramento, Cumura, Brene, Bissalanca e Djaal Bissaquil. Este serviço resulta de um crédito concedido ao Governo da Guiné-Bissau pela Associação Internacional de Desenvolvimento – AID, organismo do Banco Mundial. O crédito será utilizado com fundo adicional num projeto que pretende melhorar os serviços de água potável através da reabilitação e construção de furos, torres de água, bocas de incêndio, canalizações, contadores e ligações particulares de Bissau. Também está prevista a melhoria dos serviços de eletricidade da cidade através reabilitação e criação de postos transformadores, da rede subterrânea e da potência disponibilizada. A prestação de serviços, que deverá decorrer durante 22 meses, divide-se em 4 missões distintas. A primeira missão consiste em dar apoio à Unidade de Coordenação do Projeto – UCP na preparação dos documentos do concurso, em conformidade com as exigências do Banco Mundial. A segunda missão apoia na avaliação e seleção das propostas e fornece assistência quanto aos procedimentos técnicos apropriados para o contrato e no período de negociação. A terceira missão consiste na análise da documentação de conceção chave elaborada pelo empreendedor, na avaliação das proposições do empreendedor para assegurar o respeito das obrigações contratuais e, finalmente, em fornecer um serviço no local para fiscalizar as obras empreendidas pelo empreendedor para a salvaguarda dos interesses do Governo. Por último, a quarta missão tem o objetivo de vigiar a transferência de conhecimentos e de experiência bem como assegurar a adequação das atividades em formação.